​​​Copyright 2018 © ONG ASPA Itu

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

(11) 98341-9785

ongaspaitu@outlook.com.br

Estamos localizados em Itu/SP

Solicite o endereço por telefone

Por que meu Cão é Agressivo?

Jean Carlos Surian Adestrador (11) 99579-0835

A Agressividade é constitucional e necessária para auto conservação e conservação da espécie, porque possibilita nos posicionarmos nas situações e construirmos coisas. Ela está relacionada à ação, sinônimo de iniciativa, ambição, decisão ou coragem. 
A agressividade é um tipo de comportamento normal que se manifesta nos primeiros anos de vida.

Na infância, a agressivida é uma espécie de reação que adquire quando está à frente de algum acontecimento que faz com que se sintam frágeis e inseguras. 
A agressividade é uma qualidade natural no cão que tem a função de defesa diante dos perigos enfrentados e dos ataques recebidos, para garantir alimentoproteçao e da prole ou talvez por conta de algum problema patológico.

Agressividade e medo são emoções fundamentais na sustentação de processos decisórios.Vou abordar dois tipos de agressividade esta semana, talvez seu cão se enquadre em alguma e isso pode ajudar a você melhorar a compreensão da convivência com seu cãozinho. Agressão por aprendizado:Este é o caso de cães que são treinados para serem agressivos. Quando treinados de maneira adequada estes cães são exemplares, podem ser afagados por crianças e andar no meio de uma multidão sem demonstrar o menor sinal de agressividade, mas no segundo seguinte, sob comando, são capazes de atacar e imobilizar uma pessoa com a precisão de uma arma de fogo.

 

Treinar cães para ataque sem que todos os aspectos de socialização, genética e controle sejam observados é muito perigoso e nem todo cão tem o perfil necessário para isso. Tanto o cão quanto o dono têm que ser equilibrados, tranquilos, sociais, inteligentes e controlados. Infelizmente nem todos têm essas características e muitas vezes os cães são maltratados e surrados para se tornarem mais agressivos.

 

O resultado é o que a gente vê na imprensa, cães que atacam o próprio dono ou pessoas que passam pela rua, algumas vezes resultando em morte. Há também cães que são estimulados pelos donos para atacar outros cães ou até participar de rinhas, um absurdo!

 

Agressão entre machos:

 

Este tipo de agressão é muito raro ocorrer entre fêmeas e sua origem parece estar ligada à necessidade de se eliminar a concorrência e assim garantir a propagação das características genéticas do indivíduo, são os típicos machões. Ocorre principalmente quando há uma cadela no cio nas imediações. A castração pode resolver o problema

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon